27 de julho de 2013

SEMPRE FELIZ

Feliz, sempre estou muito feliz. Apesar dos contratempos, das notícias ruins sobre amigos que adoeceram, sobre parentes que  perdemos, de alguns sinais dolorosos no corpo, lembrando-nos,  a todo instante,  que o tempo tem passado rápido, não devemos abrir mão de ser feliz.
Assim faço eu. É como se eu afirmasse a todo instante à vida: tudo vale a pena, não vou me deixar abater por dificuldades e tristezas. Elas passam e o sol continua a brilhar...
Vai minha foto mais recente. Não é bem o que eu gostaria que fosse, mas é o que sou aos 66 anos.

Nenhum comentário: